Professor do SESI é finalista de concurso musical
sesi
notícias

Professor do SESI é finalista de concurso musical

Leonardo Bordon foi um dos selecionados entre participantes de Brasil

Leonardo Bordon, professor de violão e guitarra da Escola de Cultura do Centro Cultural SESIMINAS Belo Horizonte é um dos finalistas do eFestival Instrumental. O concurso, que é realizado em quatro etapas, tem o objetivo de revelar novos talentos e dar suporte para a construção de uma carreira musical. Saiba mais sobre o eFestival no endereço www.efestivalinstrumental.com.br  

“Ficar entre os dez finalistas é uma satisfação enorme e, ao mesmo tempo, uma grande responsabilidade”, conta o professor, pontuando que foi selecionado entre três mil inscritos de todo o Brasil. “Isso significa que são 3 mil músicos em busca de uma visibilidade e de um sonho em comum, que é viver da arte”, ressalta. 

E viver da arte sempre foi o sonho do belo-horizontino de 43 anos. O gosto pela música surgiu ainda na infância e sob a influência de sua família. Ele começou a tocar violão aos oito anos e, na vida adulta, teve a oportunidade de iniciar sua trajetória profissional ao ser convidado para participar da banda do projeto Arrumação, do apresentador Saulo Laranjeira. Nesse período, Bordon tocou com grandes nomes da música nacional, como Zé Ramalho, Alceu Valença, Beto Guedes, Alcione e Chitãozinho e Xororó, entre outros. 

WhatsApp-Image-2022-06-29-at-12-27-59.jpeg

Convicto do seguir na carreira musical, o professor deu início, em 2010, aos estudos da técnica  Fingerstyle, inspirada nos violonistas norte-americano Andy Mckee e no inglês Jon Gomm. Três anos depois, ele ingressou no curso de música da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG). “Ao longo dos anos, fui me aperfeiçoando e amadurecendo musicalmente e, em 2017, lancei o álbum autoral “Cores”, um disco instrumental com gêneros tipicamente brasileiros, incluindo baião, frevo e guarânia, além de jazz e rock”, explica. 

Desde 2017, Bordon é professor de guitarra e violão da Escola de Cultura do Centro Cultural SESIMINAS - BH. O músico atua por meio da escola parceira da entidade, a Ensinart, e afirma que o espaço é a sua segunda casa. “Foi por meio dessa parceria que pude apresentar minha música para o público. Sou muito grato pelo suporte técnico e pelas oportunidades oferecidas pelo Centro Cultura”, ressalta. 

A votação popular vai até 10 de julho e o resultado será publicado no dia 18 do mesmo mês. Conheça o trabalho de Leonardo Bordon no vídeo abaixo.

Denise Lucas
Imprensa FIEMG