Escola de Esportes do SESI firma parceria com Projeto Basquetebol do Futuro
sesi
notícias

Escola de Esportes do SESI firma parceria com Projeto Basquetebol do Futuro

Projeto abriga crianças de 10 a 16 anos e tem caráter filantrópico

Fotos: Portal Toque de Bola

Duas entidades de referência e tradição na cidade de Juiz de Fora agora estão juntas para desenvolver o basquetebol no município. E o palco para isso é a Escola de Esportes do SESI José Weiss, que está oferecendo à comunidade aulas da modalidade em parceria com o Projeto Basquetebol do Futuro (PBF).

As aulas começaram no início de setembro e, inicialmente, serão às quartas e sextas-feiras, de 15h às 18h. O projeto abriga crianças de 10 a 16 anos e tem caráter filantrópico. Com o avanço da normalização das atividades, devido à vacinação contra a Covid-19, a expectativa do SESI é que novos horários e turmas sejam abertos.

De acordo com o supervisor técnico do SESI, Carlos Eduardo Schmidt, a entidade estava analisando a questão da retomada das modalidades de quadra e queria voltar com o basquete. “Pensamos então em buscar pessoas que tivessem experiência e trabalhassem com esse esporte na cidade. Coincidentemente, o PBF estava procurando uma casa. Fechamos então a parceria e está dando tudo certo”, conta.

O diretor do PBF, Sérgio Rodrigues, ressalta que o projeto estava há um ano parado. “Houve então o contato do SESI para uma possível parceria. Ela veio como uma possibilidade para continuarmos nosso trabalho. Trata-se uma entidade de nome reconhecido no meio esportivo, cujas instalações e espaço físico para basquete são excelentes”, afirma.

Para Carlos Eduardo Schmidt, o incentivo à qualidade de vida é o principal objetivo da Escola de Esportes do SESI. “Oferecemos uma estrutura diferenciada em Juiz de Fora. Queremos dar oportunidade para industriários e membros da comunidade praticarem esportes, melhorando a saúde e a qualidade de vida, com ótima estrutura, segurança e profissionais capacitados. E já estamos pensando em, no futuro, quem sabe, formar equipes para competição”, declara.

Colaboração: Portal Toque de Bola

Basquete-SESI-1.jpeg