Mudanças de paradigmas para alavancar os negócios
notícias

Mudanças de paradigmas para alavancar os negócios

Gestão na era 4.0 foi um dos temas da reunião do programa FIEMG Jovem

Gerindo na era 4.0: metodologias ágeis e soft skills foi o tema apresentado por Eduardo Rigotto Kali Herdies, da DTG Brasil, na reunião do programa FIEMG Jovem, realizada de forma on-line no dia 14/09. 

Para Rigotto, mesmo que as empresas não vendam tecnologia, elas são conhecidas, reconhecidas, comunicadas e julgadas por meios tecnológicos, como as redes sociais. “Por isso os empreendimentos devem ser capazes de se conectarem e se posicionarem digitalmente”, afirmou.  Segundo ele, essa relação, mediada pela tecnologia, faz parte da experiência com o consumidor. “A experiência do cliente superará o preço e o produto como diferenciador-chave das marcas”, pontuou Rigotto, dizendo que 86% dos compradores pagam preços mais altos para terem vivências mais interessantes.  

Kali Herdies endossou as palavras de Rigotto ao afirmar que o real potencial da transformação digital perpassa pela modificação do significado de produtos e serviços criando novas e melhores relações. “O valor agregado que você dá às commodities é que fará a diferença para os consumidores”, disse, lembrando que a transformação digital precisa ser pensada de forma sistêmica, tendo como base três pilares: Operações, Experiência do Cliente e Modelo de Negócios. “No modelo de processo empresarial, essa transformação é incremental e contínua”, afirmou. 

O pitch empresarial da noite foi da Cal Tiradentes, apresentada por João Gilmar Mello. A empresa, que fica no município de Santa Cruz de Minas, foi fundada em 1969 e produz hidróxido de cálcio, também conhecido como cal hidratada. Ela atende, principalmente, a indústria automobilística. “Somos uma empresa familiar e a nossa missão é construir relações de valor, com transparência e parcerias duradouras com empresas de todos os tamanhos e lugares”, explicou contanto que a Cal Tiradentes tem clientes fiéis há mais de 30 anos. 

Matheus Reis, diretor de Comunicação e Marketing, representou o presidente do Programa FIEMG Jovem, Humberto Noronha. Reis convidou os membros do programa a participarem do Treinamento XPeed, da XP Investimentos. Segundo Reis, a XP preparou, com exclusividade, uma trilha com oito cursos que vão do nível básico ao avançado em Educação Financeira e Investimentos.  Thiago Godoy, head da empresa de investimento, explicou que o modelo da trilha é inovador e customizado para os jovens empresários. “Vamos abordar o tratamento do dinheiro, trazendo toda parte das crenças comportamentais e também as atitudes financeiras que tomamos no âmbito individual e como elas refletem nos negócios”, disse Godoy. 

Informes - No Momento RIG, Camilo Silveira, diretor de Relações Institucionais Governamentais do FIEMG Jovem, falou sobre o panorama político do país e seus impactos no setor produtivo. “Importantes reformas que precisam ser votadas foram canceladas com a paralisação do congresso na última semana”, pontuou Silveira.  
 
Tasso Galhanocoordenador do projeto do Workshop Valuation, esclareceu alguns pontos do evento, que será realizado nos dias 16 e 17/09, e terá como foco a avaliação estratégica e financeira de empreendimentos e o levantando dos pontos de atenção no cálculo do valuation e aspectos jurídicos. Já o Encontro Nacional de Jovens Industriais, que está previsto para ser realizado no mês de novembro desde ano, foi apresento por Izabella Lages, coordenadora do evento.