José Fernando Coura participa de inauguração de fábrica de blocos que utiliza rejeitos de mineração
notícias

José Fernando Coura participa de inauguração de fábrica de blocos que utiliza rejeitos de mineração

Planta piloto está localizada no município de Itabirito e é uma iniciativa pioneira da Vale

O presidente do SINDIEXTRA e vice-presidente da FIEMG, José Fernando Coura, participou da inauguração da Fábrica de Blocos do Pico, primeira planta piloto de produtos para a construção civil cuja matéria-prima principal é o rejeito da atividade de mineração. A iniciativa pioneira é da Vale e terá o acompanhamento técnico do Centro Federal de Tecnologia de Minas Gerais (CEFET). Também estiveram presentes o diretor-Executivo de Ferrosos da Vale, Marcello Spinelli, e a gerente Executiva Operacional da Vale, Karina Rapucci.

Instalada na Mina do Pico, no município de Itabirito, a fábrica promoverá a economia circular na operação de beneficiamento do minério de ferro. Após o período de testes, a expectativa é que, a cada ano, cerca de 30 mil toneladas de rejeito deixem de ser dispostas em barragens ou pilhas para serem transformadas em 3,8 milhões de produtos pré-moldados, como pisos intertravados, blocos de concreto estruturais, blocos de vedação, placas de concreto, manilhas, blocos de vedação, dentre outros.

A empresa investiu cerca de R$ 25 milhões em pesquisa e desenvolvimento tecnológico (P&D) nos primeiros dois anos da Fábrica de Blocos do Pico. Dez pesquisadores do CEFET atuarão na pesquisa nesse período, entre professores, técnicos de laboratório e alunos de pós-graduação, graduação e curso técnico. Além de ser construído conforme as normas de segurança e saúde ocupacional, todo o sistema de produção da fábrica é automatizado, evitando o desgaste físico da equipe na manipulação das peças.

blocos.jpg