Trabalhador: na fábrica ou em home office, a força que move o país
iel
notícias

Trabalhador: na fábrica ou em home office, a força que move o país

Vamos bater um papo com o Claudio Henrique Cabral, do laboratório Globo, e com a Flávia Bento, da Educação do SESI, que vão contar sobre os desafios enfrentados na adaptação ao home office e no trabalho presencial

É hora de você se conectar à indústria. É do trabalhador que vem a força que move este país. A inteligência. A criatividade. A capacidade de vencer os desafios.

Diante dos obstáculos trazidos pela pandemia, os trabalhadores da indústria seguiram firmes na fabricação de produtos essenciais para a sociedade, como alimentos, medicamentos, energia e combustíveis. São milhões de trabalhadores que continuam garantindo o abastecimento do país, adaptando-se a novas maneiras de executar suas funções – dentro das fábricas ou em home office.

Neste episódio do “A hora da indústria”, em comemoração ao Dia do Trabalhador, vamos bater um papo com o Claudio Henrique Cabral, diretor técnico do laboratório Globo, e com a Flávia Bento, que é coordenadora da área de Educação do SESI, que vão contar sobre os desafios enfrentados na adaptação ao home office e no trabalho presencial.

A hora da indústria é seu momento de informação.

Confira!

EP 29 | Trabalhador: na fábrica ou em home office, a força que move o país